Como Lançar Um Jab

20 agosto, 2012 20 agosto, 2012 por Johnny N Técnicas de Golpes, Técnicas do Boxe 17 Comentários

Como Lançar Um Jab

Apesar do jab não ser tão legal quanto o cruzado, direto ou uppercut, o jab é mais útil do que todos esses golpes juntos. O jab pode bater, empurrar, distrair, criar espaços, ou até mesmo ser usado como defesa contra os golpes mais mortais do seu oponente!

Aqui está meu guia oficial de como lançar um jab adequadamente. É completo, com fotos, vídeos, e explicações de todos os detalhes.

Aprenda a lançar seu golpe número 1!

 

Não me lembro do que [escrevi sobre o jab há 4 anos atrás] quando lancei o site. Isso foi em 2008, e agora estamos em 2012. Pretendo refazer muitos dos guias básicos com instruções novas e mais completas sobre o boxe. Obrigado pela paciência!

 

 

Técnica Básica do Jab

O jab é a arma mais importante de um boxeador!

Caso você nunca tenha escutado isso antes: o jab é sua arma principal! Mas POR QUE é sua arma principal?

Comparado a TODOS OS OUTROS GOLPES, o jab é mais rápido, tem maior alcance, tem maior chance de acerto e é o golpe que te deixa menos exposto. O jab usa menos energia do que qualquer outro golpe e ainda te mantém em posição para aplicar uma sequência de golpes mais fortes em seguida (ex.: o direto). Você pode usar o jab para bater, empurrar, ou até mesmo como distração. É um golpe preciso e efetivo de muitos angulos, mesmo se você não tiver uma técnica tão boa. Você conhece algum outro golpe que seja tão efetivo se for lançado enquanto você estiver se movimentando!?

O jab não é somente um recurso ofensivo, também é sua melhor defesa! Ao invés de bloquear, se esquivar ou sair dos golpes, você pode contragolpear qualquer golpe usando o jab! O jab pode fazer praticamente qualquer coisa: atacar, defender, toda sua habilidade no boxe pode ser mensurada pela sua técnica no jab.

Ainda que existam muitos tipos diferentes de jabs e muitas formas diferentes de lançá-los, esse guia focará somente a TÉCNICA BÁSICA DO JAB!

 

Como Lançar Um Jab

1. Fique na sua posição de luta

jab posicao luta

Mãos para cima, cotovelos para dentro, quadris posicionados na base, joelhos levemente flexionados, e calcanhar do pé de trás levemente elevado. Pé da frente apontando para o oponente, pé de trás posicionado diagonalmente. (Veja que meu pé de trás não parece muito diagonal porque o calcanhar está elevado, fazendo parecer que está em 90 graus.)

  • Basicamente, tudo que você precisa fazer é posicionar-se na sua base e mais nada. Não tente “preparar” o jab puxando sua mão para trás ou abaixando seu quadril, ou qualquer outro tipo de preparação.
  • Se você não souber qual é a posição básica do boxe, leia meus outros guias sobre a base do boxe: The Perfect Boxing Stance & Perfect Boxing Stance Width.
  • Ah, e por favor, mantenha o corpo e as mãos relaxadas.

A beleza do jab
é que você está sempre em posição para usá-lo.

 

2. Estenda a luva

jab extencao

Agora estenda (GOLPEIE) com sua luva da frente (mão esquerda para destros, mão direita para canhotos) na direção do seu oponente, enquanto expira uma vez com força.

  • NADA MAIS SE MOVIMENTA. Mova somente seu braço da frente, e nenhum outro membro. Não jogue seu peso para frente ou para trás, mantenha seu peso centralizado na base.
  • A extenção é a parte do jab que envolve velocidade. O movimento deve ser relaxado e rápido. Se você fechar sua mão muito antes ou visualizar seu punho se tornando um tijolo antes de acertar seu oponente, terá sua velocidade reduzida. Tente, ao invés disso, imaginar seu punho se movimentando para frente como se fosse a ponta de um chicote, com as juntas da sua mão atingindo seu oponente.
  • Visualize essa “chicotada” somente com sua mão, NÃO com o braço todo! Não tente atingir o oponente com sua cabeça, mas sim com as juntas da mão. Se você sentir que falta força no seu jab, tente se concentrar mais na rotação do braço e na contração do punho do que no movimento de chicote do golpe.

O jab mais relaxado é o mais rápido.

 

3. Rotacione seu braço

jab rotacao

Ok, agora vai começar a ficar difícil para os iniciantes! Enquanto a luva está sendo estendida, ROTACIONE SEU BRAÇO TODO para que seu golpe acerte quando a palma da sua mão estiver para baixo e para que seu ombro fique protegendo seu queixo.

  • Você deverá rotacionar seu braço todo, o ombro, cotovelo e punho.
  • Rotacionar o ombro é o que fará o resto do braço rotacionar também. Ao invés de somente rotacionar o ombro, tente ELEVAR seu ombro. Elevar o ombro irá te dar mais alcance no golpe e protegerá seu queixo dos contragolpes. É um hábito que deve ser desenvolvido por lutadores iniciantes porque eles deixam frequentemente o queixo exposto quando lançam o jab.
  • Movimente o cotovelo para o lado de dentro do jab, ao invés do lado de fora. O cotovelo estendido solidifica o jab e garante um angulo direto de ataque. Quando você rotaciona o cotovelo rapidamente, você ganha força e o efeito chicote no jab. O braço também irá telegrafar menos o golpe porque seu cotovelo estará posicionado atrás do seu braço, ao contrário do que aconteceria se você o movimentasse para o lado. (Se seu cotovelo continua indo para o lado de fora porque você não consegue rotacioná-lo, tente lançar jabs ficando posicionado de lado para uma parede. Isso irá consertar o efeito “asa de galinha” do golpe.) Novamente, movimente o cotovelo para frente (ao invés de para o lado de fora), assim seu jab ganhará força, irá telegrafar menos, e terá maior alcance e penetração.
  • Rotacione seu punho também para ter força e o efeito chicote. Você não precisa visualizar seu braço fazendo um buraco no seu oponente. Seu braço irá rotacionar porque não será confortável lançar esse golpe para frente com a palma da mão para cima. Pense sobre isso, o jab começa com a palma da sua mão apontando para você, e então seu braço rotaciona durante o golpe, e por fim o golpe atinge o oponente com a palma da mão apontando para o chão. A rotação deve ser natural; o punho rotaciona porque seu braço rotaciona!
  • Feche o punho com força exatamente no momento do impacto. O punho se fecha com força e o corpo todo se contrai de maneira explosiva, apenas por meio segundo, no momento do impacto! Se você se tensionar antes do impacto ou depois do impacto, perderá velocidade, força e desperdiçará energia.

Rotacionar o braço todo
garante força, técnica e defesa!

 

JAB CONCLUÍDO!

Sei que separei o jab em 3 passos, mas na realidade tudo isso acontece simultaneamente. Seu braço estende-se rapidamente para frente e rotaciona, e seu jab atinge com o punho fechado e braço rotacionado seguido de uma expiração forte e firme. O resultado é o efeito chicote e um jab firme!

  • Quando você terminar o jab, retorne seu braço rapidamente para a guarda para continuar atacando ou defendendo.

*** Assista meu video acima par aver a demonstração completa de um jab!

 

Erros comuns com o Jab

 

Erro #1 – cotovelo saindo para fora, também conhecido como “asa de frango”

jab asa de frango

RUIM! Não deixe seu cotovelo sair desse jeito. Sei que você viu os profissionais fazerem isso na TV ou talvez descobriu que é um jeito legal de lançar o jab enquanto suas mãos estão baixas.

Aqui estão alguns problemas que você pode ter com o jab “asa de frango”:

  • Menos força – profissionais podem fazer o jab chicote vindo de trás porque estão apenas lançando a mão esquerda e esperando espaço para golpear com a mão direita. Estão usando como jab de toque. Por enquanto, iniciantes precisam aprender o jab correto com força suficiente.
  • Telegrafadas – qualquer um pode prever o golpe. Colocar o cotovelo para fora torna seu jab realmente fácil de bloquear porque você está lançando todo seu braço ao invés de somente a luva. Sempre que vejo alguém lançar um jab “asa de frango” não preciso mais me preocupar em bloquear a luva, porque posso simplesmente bater no antebraço deles toda vez que o cotovelo começa a sair. Seu jab também pode se tornar lento porque o cotovelo estará saindo lateralmente ao invés de ser impulsionado para frente. (Os profissionais fazem rapidamente às vezes deixando o cotovelo posicionado e chicoteando com a mão.)
  • Técnica ruim – o jab “asa de frango” não é apenas menos poderoso e lento, ele é também menos direto. O jab não terá uma direção reta e não poderá atravessar a guarda do oponente. Pode haver momentos em uma luta em que você precise de um jab firme e reto para empurrar, e um cotovelo que saia para o lado não permitirá que seu jab tenha angulo e estabilidade.

 

Erro #2 – abaixar a mão direita

abaixar mao direita durante jab

EITA! Por que isso aconteceu? Todo mundo sabe o que esse bobo vai fazer! De qualquer forma, abaixar sua mão direita é extremamente perigoso. Deixa você vulnerável a cruzados de esquerda vindos de encontro e telegrafa a sequencia da sua mão direita. Um oponente com alcance longo irá facilmente contragolpear todos os seus jabs com cruzados de esquerda.

  • Mantenha sua mão direita no seu rosto quando lançar o jab. Um bom treinador irá corrigir esse hábito ruim utlizando luvas de foco diariamente. Meu treinador costumava me atingir com cruzados de esquerda toda vez que eu abaixava minha mão direita; não apenas durante os jabs.

 

Erro #3 – avançar com a cabeça

jab avancando frente

Muitos lutadores fazem isso para ter alcance ou força. Ei, isso funciona se você quer fazer um ponto rápido ou ter alguma tática por trás desse movimento. No geral, tratando-se de boxe, é uma técnica ruim.

  • Menos força e equilíbrio – esse avanço reduz sua força porque você estará colocando o peso do seu corpo em apenas uma perna ao invés de equilibrar-se nas duas. Isso cria falta de equilíbrio e faz com que seja ainda mais difícil sua recuperação para a posição inicial (retornar a mão para a guarda é fácil, retornar sua cabeça pode não ser).
  • Menos força na mão direita – avançar também significa que você irá tirar o peso do seu corpo do seu pé de trás. Isso fará com que seja mais difícil para você lançar um golpe com a mão direita já que você não terá peso naquela perna para rotacionar os quadris e lançar um direto. Sua única opção para golpear com a mão direita na sequência seria arremessar seu peso ainda mais para frente. E um dia você vai pagar caro por isso!
  • Vulnerabilidade – você já fica vulnerável quando lança um golpe, mas ir para frente junto com o golpe te deixa mais vulnerável ainda! Primeiro, todo mundo sabe que não é nada aconselhável avançar sua cabeça junto com um jab. Um oponente técnico irá te nocautear com um direto perfeito e preciso quando você fizer isso.
  • Uma regra inteligente seria manter sua cabeça ATRÁS DO SEU OMBRO. Tente novamente, lance um jab comum e mantenha sua cabeça atrás do golpe – percebe como os ombros sobem para proteger o queixo? Agora lance seu corpo para frente junto com o jab e veja que a cabeça fica exposta ao lado do ombro, sem proteção.
  • Se você quiser avançar para ter maior alcance, use um jab com passo, e assim você terá mais força e não sacrificará seu equilíbrio ou ficará vulnerável. (Um jab com passo significa dar um passo para frente no momento em que você lança/atinge com seu jab.)

 

Erro #4 – não elevar o ombro

jab com ombro elevado

Vê a diferença entre elevar o ombro e não elevar o ombro? Resulta em menos força, menos alcance, menos rotação, e ainda deixa seu queixo exposto a contragolpes de direita. Boxeadores iniciantes devem ser treinados até que não cometam mais esse erro amador.

 

Erro #5 – pular junto com o jab

pulando com jab

OPA! Por que minhas pernas estão tão retas!? Por que estou tentando ficar mais alto!? Muitos iniciantes cometem esse erro crucial porque foram ensinados que a força dos golpes vem das pernas. Esse ensinamento é verdadeiro, mas não significa que você deve esticar suas pernas enquanto golpeia.

Esticar suas pernas durante o jab resultará em:

  • Base fraca – bem, você obviamente terá menos equilíbrio e menos força porque perdeu sua base durante o golpe. Antes de mais nada, você precisa manter-se posicionado com as pernas flexionadas para que essas exerçam mais força contra o chão – principalmente no momento do impacto! Faça o teste no saco de pancadas, tente atingir o golpe enquanto você quase pula no momento do impacto. E depois tente novamente enquanto você mantém a base (ou mesmo se abaixa por alguns centímetros). Qual golpe teve mais força e equilíbrio? 😉
  • Menos controle – se você subir seu corpo, você não poderá se mover rapidamente da sua posição para iniciar outros golpes ou esquivar-se de um golpe do oponente. Fique com sua base fixa para que tenha maior equilíbrio e possa se movimentar com mais explosão.

 

Erro #6 – rotacionar o pé ou o corpo

jab com rotacao do corpo

Isso não é falta de técnica, simplesmente não é um jab. Rotacionar o pé e o corpo é parte de um golpe totalmente diferente chamado “direto de esquerda”. Muitos iniciantes tentarão recorrer a essa técnica numa tentativa de aumentar a força do jab. Mas o jab é um golpe reto, rápido e surpreendente. Um direto de esquerda é formado a partir do poder de rotação, o que o torna um golpe diferente de todos os outros.

O cruzado de esquerda definitivamente tem mais força, mas não tem muitas qualidades do jab:

  • Velocidade – um cruzado de esquerda precisa de mais movimento do corpo do que um jab. Será mais lento e consumirá mais energia. Considerando que todos os seus golpes que não são jabs são golpes de força, você realmente deveria deixar o jab fazer todo trabalho de velocidade por você. Não se preocupe com a força, o jab irá preparar seus golpes mais fortes!
  • Tempo de reação do direto de direita – a mão direita é mais rápida na sequência de um jab do que na sequência de um direto de esquerda. O motivo é simples: durante um jab correto seu corpo não rotaciona, porém durante um direto de esquerda, seu corpo irá rotacionar na direção oposta ao seu direto de direita, o que diminui consideravelmente a velocidade do direto de direita na sequência.
  • Tempo de reação do cruzado de esquerda – agora que você já desperdiçou sua rotação no direto de esquerda, você não vai conseguir lançar um cruzado de esquerda na sequência do seu jab. Você até poooode… mas não será tão rápido. É melhor manter o corpo estável e não gastar energia até que você veja aberturas para os golpes fortes.
  • Variedade – o jab é belo à sua própria forma. O que ele não tem de força, ele tem de utilidade. Há muitas variações do jab que são incrivelmente rápidas e úteis e várias situações. Seria uma estratégia muito pobre abrir mão de todas as qualidades do jab apenas para adicionar força a ele.

O direto de esquerda não é um jab,
nem também um jab forte.

 

 

Variações do jab

Aqui estão algumas variações divertidas do jab básico. Você deverá dominar TODAS essas variações para que seja um bom boxeador! (Nota: não irei utilizar fotos porque farei um guia específico sobre esses jabs depois.)

 

Jab com Passo

O jab com passo se tornará provavelmente sua arma preferida porque ele é rápido, poderoso e te aproxima do seu oponente. É mais poderoso do que um jab normal e também tem mais alcance porque você utiliza um passo nele.

O erro mais comum é tentar dar um passo muito grande. Isso acaba fazendo com que seu golpe atinja o oponente antes que seu pé toque o chão e assim você tem menos força OU recebe contragolpes ou é desequilibrado porque estava sem base durante o jab.

Tente posicionar-se fora do alcance do seu oponente e então dê somente um pequeno passo para entrar na distância de ataque dele. Isso é o que torna seu movimento rápido, poderoso E EFICIENTE! Os profissionais utilizam passos pequenos, e não passos grandes que os deixem vulneráveis no ar.

Jabs com passo tem mais força e alcance do que jabs comuns,
faça deles sua arma número 1!

 

Como lançar um jab com passo

  1. Dê um passo (apenas alguns centímetros) para frente com seu pé da frente conforme lança o jab.
  2. Arraste seu PÉ DE TRÁS para a base conforme você recupera seu braço para a guarda.
  3. Todo jab com passo deve aproximar você do seu oponente.

*** Nota: você também pode fazer jabs com passo para trás. Lance o jab enquanto dá um passo para trás COM SEU PÉ DE TRÁS e arraste o pé da frente no momento em que recupera seu braço para a guarda.

 

Jab no Corpo

O jab no corpo é incrivelmente útil para marcar pontos, distrair o oponente com golpes na linha de cintura para golpear com a mão direita na cabeça, ou mesmo para desequilibrá-lo. O jab no corpo também é um contragolpe natural contra o jab comum. O erro mais comum é telegrafar seu jab no corpo olhando no corpo do oponente (ao invés de olhar na cabeça) E/OU abaixar demais quando for golpear. Antes de mais nada, você deve abaixar somente o suficiente para evitar um golpe na sua cabeça (como um jab por exemplo). Caso contrário, abaixar não é realmente necessário para golpear o corpo do oponente!

Jabs no corpo podem bater ou EMPURRAR seu oponente.

 

Como lançar um jab no corpo

  1. Comece da posição inicial de luta, não abaixe!
  2. Lance um jab com passo, mas flexione os joelhos e quadril conforme você lança o jab no corpo do oponente. Dar um pequeno passo para frente ajuda você a ficar mais baixo sem ter que se curvar muito E ajuda também a colocar o peso do corpo no golpe.
  3. O corpo é um alvo mais macio do que a cabeça, então para machucá-lo você deve empurrar com seu jab ao invés de chicotear como faria na cabeça. Você pode “empurrar” um pouco mais conforme o jab penetra o corpo do oponente. Isso pode até desequilibrá-lo se ele defender o golpe.

 

Jab com Pivô

O jab com pivô é útil tanto nas situações de ataque quanto nas situações de defesa porque ele permite que você ataque seu oponente enquanto muda de direção e se movimenta fora da área de ataque dele. Ofensivamente, jabs com pivô permitem que você ataque enquanto gira em volta do seu oponente. Defensivamente, jabs com pivô permitem que você contragolpeie enquanto se afasta da área de ataque do seu oponente.

O erro mais comum nos jabs com pivô é girar demais. Jabs lançados com um pivô muito amplo tem menos força porque o peso do seu corpo estará posicionado somente sobre uma perna. Executar pivôs muito amplos também pode fazer com que você fique de costas para seu oponente E/OU dificultar um golpe de mão direita. A menos que você use um pivô amplo para escapar das cordas e girar sobre o eixo do seu oponente, pivôs curtos são os mais recomendados normalmente. A ideia é somente fazer o pivô o suficiente para sair da área de ataque do oponente, caso contrário seu foco deve ser manter sua base sólida para contragolpear.

Jabs com pivô permitem que você ataque
enquanto se movimenta para longe do ataque do oponente.

 

Como lançar o jab com pivô

  1. Lance o jab enquanto simultaneamente rotaciona seu corpo como se seu pé de trás fosse balançar atrás de você. Isso fará você executar o pivô no sentido horário (boxeadores destros) ou no sentido anti-horário (boxeadores canhotos).
  2. Conforme faz o pivô, deixe seu oponente errar o golpe no espaço que você estava antes. O jab com pivô irá precisar de uma certa habilidade para ser preciso.

 

Jab com Força

O jab com força é uma técnica difícil de se dominar, mas essencial. É provavelmente impossível que você consiga aprender isso apenas lendo esse guia, mas direi como funciona. O jab com força é simplesmente um jab lançado enquanto você movimenta sua base na direção do chão. É um jab lançado enquanto seu quadril se projeta para o chão e suas pernas exercem força contra a gravidade.

Nos momentos em que você não tem nada além de uma oportunidade para lançar um jab, o jab com força terá grande impacto. Nos outros momentos, é melhor utilizar um jab rápido e imediatamente lançar um direto de direita, cruzado de esquerda, etc. Em outras palavras, o jab com força é excelente para mostrar FORÇA e posar para fotos.

O erro mais comum é tentar usar jabs com força como se fossem jabs comuns; você acabará esperando por oportunidades ao invés de criá-las com jabs rápidos e leves.

O jab com força é útil sendo lançado como golpe único,
não para ser lançado em sequências.

 

Como lançar o jab com força

  1. Lance um jab enquanto abaixa seu quadril levemente. Pode PARECER como uma queda-livre.
  2. Faça essa queda de quadril acontecer exatamente no momento em que lança o jab.
  3. No momento do impacto, seu jab atinge enquanto seu quadril e suas pernas exercem UM POUCO de força contrária à gravidade para impedir sua queda. Seu jab acerta quando você “impede” a queda do quadril. Novamente, seu quadril e suas pernas somente FARÃO FORÇA – mas não irão se movimentar… e você não irá ficar totalmente em pé o mover o quadril fora da sua base. O jab com força é algo que você sente, mas não vê.
*** Nota: a “queda do quadril” serve para você atingir o jab enquanto seu quadril está se abaixando (LEVEMENTE). A queda do quadril não significa ir para baixo e depois subir. Novamente, você deve atingir o jab quando seu quadril estiver sendo forçado para cima.

 

 

Conclusões finais sobre o jab

Não importa que tipo de lutador você é ou o nível da sua técnica. O jogo natural do boxe se baseia no combate com o jab. Seja você um lutador técnico ou um lutador de força, esteja você utilizando volume de luta ou força destrutiva, atacando ou defendendo, você precisará de seu jab. Um lutador mais forte precisa do jab para criar aberturas para sua mão direita tanto quanto um lutador mais fraco precisa do jab para manter seu oponente afastado. O jab é essencial esteja você tentando vencer por pontos ou por nocaute.

Lutadores de níveis mais baixos normalmente utilizam força e resistência. Lutadores de níveis mais altos normalmente utilizam velocidade, precisão, tempo, distância e técnica. Não preciso dizer qual é o golpe mais rápido, com maior alcance e com maior precisão do boxe. Quanto melhor você quiser ser no boxe, melhor seu jab terá de ser!

Quanto mais técnica houver em um combate,
mais importante o jab se torna!

 

DICA FINAL DO JAB: Jab deve ser usado no boxe, não em brigas.

Não use o jab de uma forma que faça você perder o equilíbrio, ficar exposto ou impedí-lo de usar seus golpes mais fortes. O jab não é a melhor arma porque você pode trocar golpes com ele; é a melhor arma porque EVITA que você precise trocar golpes!

boxing ebook Advanced Boxing Techniques A Dieta de 30 Dias dos Lutadores
Aprendeu alguma coisa? Compartilhe!



17 Comentários

gustavo agosto 10, 2013 às 5:42 pm

excelente!!!! já treinei boxe por 2 anos e algumas coisas lidas aqui nuca me foram ditas…

Resposta

Everton Henrique agosto 12, 2013 às 7:19 pm

Obrigado pelo prestígio Gustavo! Abraços e qualquer dúvida estamos sempre à disposição para contribuir da melhor forma possível. Às vezes há técnicas diferentes, mas nosso objetivo é sempre somar.

Resposta

ullysses oliveira outubro 27, 2013 às 4:42 pm

impressionante!
os melhores artigos sobre boxe que já li!
nunca treinei boxe!
sempre treinei muay thai!
um dia perguntei ao meu mestre se havia algo que pudesse ser lido sobre artes marciais!
ele simplesmete respondeu:
se aprende bater apanhando!
caso vcs tenham mais material por gentilza postem!
é incrivel a mundança do meu boxe depois que comecei a ler os artigos daqui!

Resposta

Everton janeiro 31, 2014 às 1:22 pm

Olá Ulysses! Obrigado pelo prestígio. Em breve teremos sim mais conteúdo. Abraços!

Resposta

emrson novembro 13, 2013 às 8:36 am

Muito bom eu estou iniciando e tinha muitas dúvidas, tinha muitas! Porque estou tirando todas. Muito oba!!!!

Resposta

Ricardo novembro 14, 2013 às 11:39 am

Olá, mto bom….sou faixa preta de Karate, mas aplico todos os fundamentos do boxe…Mto boa sua postagem…abs

Resposta

Everton janeiro 31, 2014 às 1:24 pm

Olá Ricardo!

Também sou praticante de Karate, estilo Kyokushin (faixa branca).
Também notei que alguns fundamentos do boxe se encaixam muito bem na técnica de mãos do Karate e vice-versa! Sempre legal integrar o conhecimento!

Seja bem-vindo ao site e bons treinos!

Resposta

Isadora fevereiro 2, 2014 às 12:40 pm

Q site bem escrito. Parabéns.

Resposta

Hiran Haun novembro 14, 2014 às 11:58 am

Muito bom seu site!
Sou novato em Muay Thai e esse artigo foi muito esclarecedor!
Muito bem escrito, bem detalhado… excelente!
Parabéns e obrigado!

Resposta

Vinny março 13, 2015 às 3:00 pm

Ola mtu bom esse guia,sou praticante de artes marciais
Como: kungfu,jkd,tae kwon do,karatê shorinji kenpo,capoe
ira

Resposta

barboza junho 30, 2015 às 8:54 am

se vc pratica artes marciais do mermo jeito que escreve o nome delas ta foda pra tii…

Resposta

barboza junho 30, 2015 às 8:55 am

mesmo*

Resposta

Renato Farias julho 15, 2015 às 7:42 am

sou iniciante no boxe, e ja recebi varios elogios do meu professor, por utilizar – ainda que não da forma mais correta – algumas técnicas que aprendi aqui.
Obrigado.

Resposta

Gilberto Alves julho 15, 2015 às 12:52 pm

otimo muito bom

Resposta

Dionne julho 19, 2015 às 12:58 pm

O melhor texto que já vi sobre boxe!
Parabéns!

Resposta

Vitor outubro 21, 2015 às 12:40 pm

Valeu pelas dicas , o site é ótimo

Resposta

luiz Fernando maio 12, 2016 às 1:51 pm

Simplesmente “SENSACIONAL” show de bola!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Resposta

Deixe um Comentário

Compartilhe sua opinião com outros boxeadores. Por favor, seja respeitoso.
Emails nunca serão publicados ou compartilhados.
Quer seu próprio avatar nos comentários? Faça um Gravatar!

Post anterior:

Post seguinte:

Copyright © 2008-2013 Como Boxear | ExpertBoxing. All rights reserved